Pagani faz pedido por prédio para Justiça Eleitoral

Na mais recente sessão ordinária da Câmara Municipal, o vereador Lelo Pagani (PT) apresentou cinco requerimentos com pedidos diversos, sendo eles por informações referentes a abertura do Parque Municipal, o fornecimento de lanches para o Tiro de Guerra, providências por parte da ALL na reforma da Estação Ferroviária, construção de um novo prédio para a Justiça Eleitoral e um convite.

Na questão relacionada às responsabilidades da América Latina Logística na reforma de uma parte do telhado da antiga Estação Ferroviária, o legislador foi enfático. “Foram os trens dessa corporação que causaram boa parte dos estragos que vemos hoje naquele local, portanto, não há nada mais justo que se cobre da mesma empresa para que ela arque com as despesas de todos os danos causados na estação”, argumentou Pagani.

Outro ponto tocado pelo vereador durante a última sessão foi relacionado à alimentação dos atirados do Tiro de Guerra 02-048 de Botucatu, que passam a madrugada na guarda da estrutura onde o TG fica instalado. “Creio que a Prefeitura poderia auxiliar nessa questão com alguns lanches que poderiam ser produzidos na Cozinha Piloto mantida no município e encaminhados para os atiradores que ficam em guarda diária na sede”, analisa.

A construção de um novo prédio para a Justiça Eleitoral de Botucatu também foi debatido pelo legislador, que argumentou quanto a real necessidade da obra. “Hoje nossa Justiça Eleitoral está desempenhando um grande papel promovendo palestras de incentivo para os jovens de 16 e 18 anos, incentivando os mesmos a participarem do processo eleitoral. Esse trabalho bem feito fez com que o número de eleitores aumentasse consideravelmente”, diz. “Apesar dos esforços dos funcionários, a casa onde a justiça está funcionando se tornou pequena e inadequada para a quantidade de atendimentos prestados”, conclui Pagani.

Os outros dois requerimentos apresentados pelo vereador ainda questionam a Prefeitura Municipal a respeito do Parque Municipal Joaquim Amaral Armando de Barros, que esta há vários meses fechado para a população e também convida os diretores do Hospital de Prevenção do Câncer venham até a Câmara Municipal para oferecerem mais informações sobre a entidade aos munícipes. O convite foi feito após um encontro entre o vereador e um dos diretores da unidade, José Cancian Neto (foto).