Monti é eleito o 3º melhor deputado de São Paulo

A Revista Veja, realizou pelo terceiro ano o “ranking do progresso”, que consiste em listar os melhores senadores e deputados federais do Brasil. A revista contou com a colaboração do Núcleo de Estudos sobre o Congresso (Necon), do Instituto de Estudos Sociais e Políticos da Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

O deputado são-manuelense, Milton Monti (foto), do Partido da República (PR) ocupa pela terceira vez consecutiva uma cadeira na Câmara dos Deputados em Brasília. No ranking da Veja, Monti ficou posicionado entre os treze melhores deputados do país e em terceiro no Estado de São Paulo.

O ranking, de acordo com a Veja, considerou o posicionamento dos parlamentares em relação a nove eixos fundamentais, que começam por uma carga tributária menor e sistema tributário mais simples, passam pela diminuição da burocracia, combate a corrupção e chegam ? proposta de leis trabalhistas que respeitem integralmente empregadores e empregados.

Ainda segundo a Editora Abril, a equipe responsável pela elaboração do ranking, debruçou sobre 243 proposições de maior relevância entre centenas de projetos de lei, medidas provisórias e propostas de emenda ? Constituição que tramitaram na Câmara e no Senado em 2013.

Antes, porém, da entrada em cena do Necon, a revista aplicou uma “cláusula de ética” na relação dos parlamentares responsáveis pelas proposições, expurgando aqueles envolvidos em escândalos ou de reputação duvidosa. Para tanto, a revista se valeu de critérios próprios e de levantamentos da Transparência Brasil, organização independente e autônoma comprometida com o combate ? corrupção. O resultado foi submetido ? análise do advogado Alexandre Fidalgo, do escritório EGSF, que se aprofundou na situação de deputados e senadores tendo em vista a Lei da Ficha Limpa, que passou a vigorar, em eleições, a partir de 2012, controlando o acesso ao Congresso de políticos desonestos.