Câmara vota quatro projetos do Executivo após o carnaval

Na sessão legislativa prevista para acontecer, excepcionalmente,  nesta quinta-feira a partir das 20 horas, os vereadores da Câmara Municipal de Botucatu deverão apreciar e votar quatro projetos de lei, sendo dois na sessão ordinária e dois na extraordinária. Todos assinados pelo prefeito João Cury Neto (foto).

O primeiro projeto a ser analisado leva o número 002/2015, é o que dispõe sobre a venda de imóvel de propriedade do Município de Botucatu, localizado na Rua José Dal Farra, com fundos para a Rua Major Leônidas Cardoso.

Na sequência entra em votação o Projeto de Lei 003/2015, que também leva a assinatura do chefe do Executivo que denomina de “Fernando Bandeira de Mello Marins”, o Parque Tecnológico de Botucatu, neste Município.

 

Extraordinária

Após o encerramento regimental da sessão ordinária o presidente da Casa de Leis, André Rogério Barbosa – Curumim, fez a convocação dos vereadores para a sessão extraordinária para votação dos outros dois projetos de iniciativa do Executivo Municipal.

Projeto de Lei Complementar 003/2015, que dispõe sobre a alteração da Lei Complementar nº 1.119/14 da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) exercício de 2015 e abre crédito adicional suplementar de R$ 5.766.208,37 na Secretaria Municipal de Obras.

Projeto de Lei Complementar 004/2015 que altera a Lei Complementar nº 1.119/14 – LDO exercício de 2015 e abre crédito adicional suplementar e especial no valor de R$ 3.092.121,66 na Secretaria Municipal de Educação.