Câmara Municipal tem sessão com muitos nomes de rua; requerimentos diminuem em período eleitoral

camaraA Câmara Municipal de Botucatu discutirá na noite desta segunda-feira, 12, um total de 10 projetos em sua sessão ordinária. Mas desses, 8 são da Prefeitura, ou seja, apenas dois projetos de vereadores, sendo esses que tratam de calendário de eventos e denominação de rua.

Mas o que está causando desconforto, além da falta de projetos de lei que beneficiem a população, é o baixo número de requerimentos apresentados pelos vereadores em período eleitoral. O ranking da última sessão, contando apenas quem foi o autor (e não os que assinaram junto) foi o seguinte:

Carlos Trigo

05

Valmir Reis

05

Reinaldinho

05

Izaias Colino

04

Lelo Pagani

03

Curumim

02

Carreira

01

Fernando Carmoni

01

Fontão

01

João Elias

nenhum

Rose Ielo

nenhum

Os requerimentos de signatários ou não estão disponíveis no site da Câmara Municipal.

A sessão ordinária desta noite apresenta os seguintes projetos:

ID_22517_Camara capa1) PROJETO DE LEI Nº. 66/2016 – De iniciativa do Prefeito Municipal – que dispõe sobre a criação do “programa jardins comestíveis” no Município de Botucatu e define suas diretrizes. Discussão e votação únicas quórum: maioria simples

2) PROJETO DE LEI Nº. 80/2016 – De iniciativa do Prefeito Municipal – que denomina de “Antonio Leonel (Tó)”, a Ponte do Piapara, localizada na estrada municipal Elias Alves, sobre o Rio Bocaina, zona rural de Botucatu. Discussão e votação únicas quórum: 2/3

3) PROJETO DE LEI Nº. 83/2016 – De iniciativa do Prefeito Municipal – que denomina de “Benedito Vieira Fernandes (Ditão)”, a Praça localizada ao lado do salão de festas da Capela Nossa Senhora Aparecida, no Bairro de Anhumas, esquina da Rua Joaquim Firmino Pontes Ribeiro com a Rua Joaquim Canhado. Discussão e votação únicas quórum: 2/3

4) PROJETO DE LEI Nº. 84/2016 – De iniciativa do Prefeito Municipal – que denomina de “Luiz Lopes de Moraes”, o Centro Comunitário localizado na Rua José Moreira Leite, no Conjunto Habitacional “Clemente Jorge Roncari” (Cohab V). Discussão e votação únicas quórum: 2/3

5) PROJETO DE LEI Nº. 85/2016 – De iniciativa do Prefeito Municipal – que denomina de “Manoel Alves Dos Santos”, a Praça localizada na esquina da Rua Duque de Caxias com a Rua Jayme Carnietto, ao lado Posto de Saúde, em Vitoriana. Discussão e votação únicas quórum: 2/3

6) PROJETO DE LEI Nº. 86/2016 – De iniciativa do Prefeito Municipal – que denomina de “Paulo Mariano de Oliveira (Paulão)”, a Academia ao Ar Livre, localizada na Rua Firmino Pontes Ribeiro, defronte a Mercearia, no Bairro de Anhumas. Discussão e votação únicas quórum: 2/3

7) PROJETO DE LEI Nº. 87/2016 – De iniciativa do Prefeito Municipal – que denomina de “Ruth Conceição Petriconi de Oliveira”, a Unidade de Atendimento às Famílias de Vitoriana, localizado na Rua Turma Seis, s/nº. Discussão e votação únicas quórum: 2/3

8) PROJETO DE LEI Nº. 88/2016 – De iniciativa do Prefeito Municipal – que denomina de “Jayme Laperuta Neto”, a Quadra Poliesportiva localizada em frente ao Conjunto Habitacional “Amando de Barros Sobrinho”, na Rua Mirabeau Camargo Pacheco, Vila Cidade Jardim. Discussão e votação únicas quórum: 2/3

9) PROJETO DE LEI Nº. 78/2016 – De iniciativa do Vereador Reinaldinho – que inclui no Calendário Oficial do Município o “Congresso Internacional de Missões com Gideões em Botucatu”. Discussão e votação únicas quórum: maioria simples

10) PROJETO DE LEI Nº. 79/2016 – De iniciativa do Vereador Fernando Carmoni – que denomina de “Clodomir Alcarde (Clodô Alfaiate)”, a Praça, localizada entre as Ruas Domingos Cariola, Dr. José Eduardo Alfredi de Mattos e José Miguel Salomão, no Jardim Peabiru. discussão e votação únicas quórum: 2/3