Câmara discute nesta segunda festas no calendário, título de cidadão, declaração de utilidade e nome para local público

Otavio-camara (7)A Câmara Municipal não realizará Sessão Extraordinária na noite desta segunda, 20, sendo assim, a Sessão Ordinária será constituída por seis projetos de lei. Não que tenha algum projeto de extremo impacto, bem longe disso, mas reunirá o maior número de projetos das últimas sessões, se levarmos em conta a média de um ou dois projetos apenas.

Serão duas inclusões de festas religiosas no calendário, um título de cidade botucatuense ao Secretário Municipal de Esporte Lazer e Turismo, professor Antônio Carlos Pereira, além de duas denominações de rua ou praça e uma declaração de utilidade pública. Confira os projetos passados pela assessoria do Pode Legislativos:

1) PROJETO DE LEI Nº. 53/2016 – De iniciativa dos Vereadores  Fontão, Curumim, Izaias Colino, João Elias e Carreira – que inclui no Calendário Oficial do Município a “Festa da Paróquia Menino Deus”.  Discussão e votação únicas e o quórum é maioria simples

2) PROJETO DE LEI Nº. 54/2016 – De iniciativa dos Vereadores Fontão, Curumim, Izaias Colino, João Elias e Carreira – que inclui no Calendário Oficial do Município a “Festa da Capela de Santo Antônio”.  Discussão e votação únicas e o quórum é maioria simples

3) PROJETO DE LEI Nº. 55/2016 – De iniciativa do Vereador Carreira – que denomina de “Octávio Visentin”, a Rua “T”, com início na Avenida Prefeito Joaquim Amaral Amando de Barros, do Residencial Ouro Verde, bem como todo e qualquer prolongamento.  Discussão e votação únicas e o quórum de 2/3 dos vereadores para aprovação.

4) PROJETO DE LEI Nº. 57/2016 – De iniciativa do Vereador Carreira – que declara de Utilidade Pública, no Município de Botucatu, a “Associação de Formadores de Condutores de Botucatu – A.F.C.B.”.  Discussão e votação únicas com o quórum sendo de maioria simples

5) PROJETO DE LEI Nº. 59/2016 – De iniciativa do Vereador Curumim – que denomina de “Praça Cesar Pasqual Culiche”, a Praça, localizada entre a Avenida Leonardo Villas Boas, Rua José Thiago e Rua Júlio Vaz de Carvalho, localizada na Vila Nova Botucatu.  Discussão e votação únicas sendo o quórum de 2/3 dos legisladores.

6) PROJETO DE DECRETO LEGISLATIVO Nº. 006/2016 – De iniciativa do Vereador Lelo Pagani – que concede o Título de “Cidadão Botucatuense” ao Professor Antônio Carlos Pereira, atual Secretário Municipal de Esportes, Lazer e Turismo, em reconhecimento pelos relevantes serviços prestados ao município de Botucatu.  Discussão e votação únicas, sendo que o quórum necessário para aprovação é de 2/3 dos vereadores.

A sessão começa às 20 horas e pode ser acompanhada pelo site www.camarabotucatu.com.br ou pela Rádio Municipalista AM 1240.