Câmara aprova 26 requerimentos e oito Projetos

A Sessão Ordinária da Câmara Municipal desta segunda-feira, 09, foi bastante movimentada. Durante a noite, foram apresentados 26 requerimentos, todos aprovados pela unanimidade dos vereadores. Além deles, também foram apresentadas seis moções de congratulações e uma de apoio, além de duas indicações. Na ordem do dia, foram aprovados oito dos nove projetos que deram entrada na casa, tendo sido um deles, adiado por duas semanas.

Nos projetos de Lei votados durante a noite, apenas o segundo (PL 36/2014), de iniciativa do prefeito municipal, que fala do Programa Censo da Pessoa com Deficiência e Cadastro da Pessoa com Deficiência para identificação, mapeamento e cadastramento do perfil socioeconômico das pessoas com deficiência no município não foi votado. O pedido de adiamento por duas sessões foi feito pelo vereador  Reinaldo Mendonça Moreira – Reinaldinho  (PR).

Todos os outros oito projetos de Lei foram aprovados, sendo eles: PL 34/2014, que disciplina o serviço de mototáxi em Botucatu; PL 49/2014, que altera o inciso XV do artigo 3º da Lei 3.843/1998 que dispõe sobre a criação do Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural; PL 50/2014 (vereador Ednei Carreira – PSB) que denomina de “Jenny Gasparini de Souza” a “Rua E” do loteamento Villa Paraíso; PL 51/2014 (vereador Carlos Trigo – PT) que denomina de “Antônio Aparecido Barbosa” a “Rua 04” do residencial Caimã; PL 52/2014 (vereador  André Rogério Barbosa – Curumim – PSDB) que denomina de “Judith da Silva Vieira” a “Rua 19” do Caimã; PL 53/2014 (vereador Curumim), que denomina de “Orsini Martins” a “Rua 01” do Jardim Nova Esperança; PL 55/2014 (vereador Carreira), que denomina de “João Gonçalves” a praça localizada entre as ruas Comendador Pereira Ignácio e Ângelo Milanesi.

Um dos pontos altos da Ordem do Dia foi quando o vereador Luiz Fontes – Fontão (PSDB) subiu a Tribuna para falar sobre o Reverendíssimo Dom Maurício Grotto de Oliveira, Arcebispo Metropolitano de Botucatu. O legislador concedeu ao mesmo, por meio da PL 05/2014, o título de “Cidadão Botucatuense” em reconhecimento pelos relevantes serviços prestados a Botucatu. Todos os vereadores da Casa fizerem questão de enaltecer a homenagem e o homenageado.

Durante a Sessão Ordinária, foram apresentados 26 requerimentos e duas indicações, todos aprovados pela unanimidade da casa. Além disso, mais seis moções de congratulação foram apresentadas: ao empresário Marcelo José Pires de Campos; Cônego Joinville Antônio Arruda, aos colaboradores Wagner Rinaldi Dulicia e Marcos Cézar Lacerda; à bailarina botucatuense Evelin Svícero Martins; à Concreto Imóveis; ao Rotary Club de Botucatu; ao Arcebispo de Botucatu, Dom Maurício Grotto de Camargo, ao presidente do Conselho de Pastores de Botucatu,  pastor Antemo Del'Omo. Além dessas, também foi apresentada uma moção de apoio de todos os vereadores da Casa, ao movimento grevista da Unesp.

Também participou da reunião o representante da Vigilância Ambiental em Saúde, Valdinei Moraes Campanucci da Silva, que atendendo à solicitação do vereador Izaias Colino esteve na Tribuna desta casa para apresentar dados e esclarecimentos sobre a Dengue, seu combate, a atuação efetiva da equipe da Vigilância em investigações de possíveis focos e medidas preventivas em Botucatu.