Aprovado anteprojeto do futuro prédio da Câmara Municipal

Em reunião realizada na manhã desta quarta-feira (15), os vereadores da 15ª Legislatura aprovaram o anteprojeto do futuro prédio da Câmara Municipal de Botucatu. Na ocasião, foram discutidos os últimos detalhes da obra relacionados ? questão da área verde externa ? edificação e ao estacionamento para a população e para os servidores.

O encontro ocorreu na atual sede do Legislativo botucatuense e contou com a presença da diretoria da Casa, além dos vereadores Professor Gamito (PT), Carlos Trigo (PT), Fontão (PSDB), Professor Nenê (PSB), Bombeiro Tavares (DEM) e do presidente da Câmara, vereador Reinaldinho (PR).

Com isso, falta pouco para que o anteprojeto seja concluído de fato. De acordo com o presidente da Casa, vereador Reinaldinho, após esse trâmite, será possível finalizar o edital de licitação para escolha da empresa que irá elaborar o Projeto Executivo da futura sede Legislativa – o qual define os detalhes estruturais, arquitetônicos e relacionados aos custos financeiros da obra.

“Agora, o anteprojeto será encaminhado ? Secretaria Municipal de Planejamento – órgão público responsável pela elaboração do esboço – para os ajustes necessários”, revelou Reinaldinho, assegurando que a expectativa é que a licitação para elaboração do Projeto Executivo ocorra ainda neste ano.

“Estamos trabalhando para que essa etapa seja concluída até o final de 2010 e que a construção da nova sede seja finalizada, no máximo, até o final da 15ª Legislatura, em dezembro de 2012”, afirma. “Ainda não há como estimar o valor da obra, mas acreditamos que o investimento seja importante para que a população seja mais bem atendida e que os parlamentares tenham mais estrutura para trabalhar por Botucatu”, acrescenta.

{n}A nova sede{/n}

O terreno em que será construída a nova sede do Poder Legislativo, de 20 mil m², fica ao lado dos lotes onde serão construídos o Fórum e a Prefeitura Municipal, entre o Jardim Santa Elisa e o Jardim Riviera – ao lado da Rodovia João Hipólito Martins (Castelinho).

Ao todo, o anteprojeto considera a construção de um prédio de aproximadamente 4 mil m², com plenário para abrigar cerca de 290 pessoas sentadas – sendo previstos espaços especiais para cadeirantes. Neste contexto, é possível destacar que a edificação terá acessibilidade total aos cidadãos com necessidades especiais.

Segundo o vereador Reinaldinho, para acompanhar possível crescimento no número de vereadores – hoje com 11 –, a futura Câmara terá 21 gabinetes para parlamentares atenderem o público. Também serão projetadas salas amplas para reuniões internas e externas, além de um grande hall de entrada com projeto paisagístico privilegiado.

Fonte e fotos: Jornalista André Luís Lourenço
Assessoria de Imprensa/Câmara Municipal de Botucatu