Apenas dois projetos: atividades religiosas e conferência municipal são os únicos assuntos dos vereadores nesta segunda

A Câmara Municipal de Botucatu discute na noite desta segunda, 30 de maio apenas dois projetos. A pauta quase vazia começa na sessão ordinária com o Projeto de Lei nº 48/2016, de iniciativa do Vereador Izaias Colino, que declara de Utilidade Pública, no Município de Botucatu a "Associação Espírita União da Umbanda". Discussão e votação únicas, sendo que o quórum é maioria simples.

Ainda na Sessão Ordinária, atendendo o contido no Requerimento nº 305/2016, de autoria do Vereador Fernando Carmoni, durante a Sessão Ordinária, o Cônego Emerson Rogério Anizi, fará uso da palavra para explanar sobre a comemoração de 45 anos do TLC – Treinamento de Liderança Cristã, em Botucatu.

Para encerrar, na Sessão Extraordinária, a discussão em torno do Projeto de Lei 50/2016, de iniciativa do Prefeito Municipal, que dispõe sobre o Conselho da Cidade de Botucatu/SP e a Conferência Municipal da Cidade de Botucatu e dá outras providências. Discussão e votação únicas e o quórum é maioria absoluta. E é só isso.