Adolescentes da Fundação CASA estão aptos para votar

O prefeito de Botucatu, João Cury Neto, estará na fundação do Centro de Atendimento Socioeducativo ao Adolescente (CASA) de  Botucatu, nesta quinta-feira (25), onde a partir das 19h30 ministrará a palestra “Cuidar de Gente” aos jovens  internados. A iniciativa integra o encerramento do projeto “Eleições Cidadãs – Consciência Política e Eleições”, realizado entre os meses de agosto e setembro.

O projeto foi criado pelo próprio Centro com objetivo de incentivar os adolescentes a participarem ativamente da política e criar um pensamento crítico, ajudando-os a votarem nas eleições de 2014.  Instituição terá seção eleitoral e conta com 68 adolescentes aptos para votar. No Estado de São Paulo, 2.510 jovens ainda internados, com idades entre 16 e 20 anos, poderão votar neste ano.

As aulas do projeto começaram em 19 de agosto e aconteceram uma vez por semana, sempre às sextas-feiras, com a participação de todos adolescentes em medida socioeducativa. Eles tiveram a oportunidade de acompanhar palestras que trataram do que é partido político, o golpe militar de 1964, a realidade da política feminina, manuseio da urna eletrônica e orçamento participativo.

Segundo a articuladora social, Roberta de Campos, o momento mais atraente das atividades foi quando os jovens manusearam a urna eletrônica. “Muitos deles nunca tinham tido contato com a urna e alguns vão votar pela primeira vez este ano”, disse a articuladora social.

Além do prefeito, também foram convidados para o encerramento do projeto o diretor da Divisão Regional Sudoeste (DRS), Celso Quintiliano, à qual o centro socioeducativo pertence, assim como o presidente da organização não-governamental (ONG) Centro Regional de Registro e Atenção aos Maus Tratos na Infância (CRAMI), que compartilha a gestão do centro socioeducativo com a Fundação.