Um quilo de crack “Hulk” é apreendido pela DISE

Os policiais especializados da Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (DISE), Bruno, Rossi, Pelares, Valmir, Basseto, João e Marcos, sob o comando dos delegados Paulo Buchignani e Mauro Sérgio Rodrigues dos Santos realizaram uma operação na noite desta terça-feira que resultou na apreensão de uma pedra bruta de crack pesando, aproximadamente, um quilo.

Fracionada, essa pedra daria para fabricar mais de três mil porções para venda aos usuários. A particularidade dessa droga é que ela tem  a coloração esverdeada e é bem mais potente do que o crack tradicional. Daí a origem do nome. O entorpecente foi encontrado em um veículo Corsa, com placas de Barra Bonita, interceptado no pedágio da Rodovia Marechal Rondon, entre Botucatu e São Manuel.

Nesta operação policial foram presas em flagrante e indiciadas em crime de tráfico de entorpecentes: Maiara Medolago (26), Claudia Helena Zonta (36) e Priscila Fernanda Crotti (22), De acordo com o delegado Paulo Buchignani a droga que veio de Barra Bonita seria entregue em Botucatu. As três mulheres indiciadas foram recolhidas à Cadeia de Porangaba.

“Nosso trabalho investigativo nos levou até esse veículo aonde a droga vinha sendo transportada. Fizemos a campana e quando o carro foi visualizado o flagrante aconteceu. Agora o trabalho continua para detectarmos para quem ela seria entregue”, frisou Buchignani.