TOR prende pintor com R$ 265 mil em fundo falso de carro

A equipe do Tático Ostensivo Rodoviário (TOR), da Polícia Militar Rodoviária de Botucatu, prendeu na manhã desta segunda-feira (3) um cidadão de nome Wallace Alves da Silva, de 29 anos, na SP-280 Rodovia Presidente Castello Branco, nas imediações do Município de Pardinho.

Segundo consta no relatório policial esse cidadão que estava em um veículo Honda Civic, com placas de Bauru, trafegava pela rodovia e ao atingir o km 190 passou em alta velocidade (150km/h) pela viatura do TOR que passou a perseguir o carro, fazendo a interceptação no km 193.

Feito a abordagem e durante vistoria no interior do carro (que estava em nome do indiciado), os policiais encontraram duas munições de uso restrito do exército. Em uma busca mais minuciosa, foi encontrado um fundo falso atrás do banco traseiro do Civic a importância de R$ 265 mil, em notas de diversos valores.

Questionado, Wallace disse ? polícia que o dinheiro era seu e estava juntando desde os 12 anos de idade. Alegou que trabalha como pintor em Bauru e estava indo a São Paulo buscar sua mãe, mas não soube dizer o endereço em que a mulher estaria. Os argumentos não convenceram a polícia, que atentou para outro detalhe interessante: o indiciado não portava telefone celular.

Wallace Silva foi ouvido pelo delegado Marcelino Aparecido Ferreira que responde pela delegacia de Pardinho que representou pela sua prisão temporária por porte ilegal de munição de uso restrito, determinando seu recolhimento ? Cadeia Pública de Botucatu. A origem do dinheiro está sendo investigada.