Rocam apreende R$ 4.250,00 de origem duvidosa

Um trabalho desenvolvido pela equipe do Rondas Ostensivas Com Auxílio de Motocicleta (Rocam) da Polícia Militar (PM) de Botucatu tirou de circulação a quantia de R$ 4.250,00, provavelmente, oriunda do comércio ilegal de entorpecentes. O dinheiro estava em poder de um cidadão já conhecido nos meios policiais por seu envolvimento com o tráfico: Vinícius H.G,, de 18 anos de idade.

Os policiais executavam patrulhamento preventivo/ostensivo pela Rua Benedito Paganini, região do Parque Residencial Arlindo Durant, quando perceberam o suspeito em um veículo VW Gol, com placas de Campinas e optaram pela abordagem, já que ele poderia estar transportando droga no carro. Na revista pessoal foi localizado o dinheiro.

Questionado pela PM o indiciado alegou que, por segurança, estava indo enterrar o dinheiro em um matagal existente naquela localidade, mas negou ser produto de venda de entorpecente. Conduzido ? Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (DISE) ele prestou depoimento ao delegado Carlos Antônio Improta Julião Filho e acabou sendo liberado. O carro, em razão de estar com a documentação irregular foi guinchado ao pátio Botucatu Parking.