Rapaz vai realizar furto e perde celular na cena do crime

O aparelho continha dados e fotos de um cidadão que já é bastante conhecido na criminalidade e o  BO foi confeccionado pelo delegado Paulo Buchignani

 

Um telefone celular deixado na cena do crime pode esclarecer a um caso de furto tentado ocorrido na Rua Atílio Losi, região do Jardim Paraíso e atendido pelos policiais militares Daniel e Chávari e região em Boletim de Ocorrência (BO) pelo delegado Paulo Buchignani (foto) no Plantão Permanente da Polícia Civil.

Segundo consta eram 23h45 desta terça-feira quando uma mulher de 58 anos de idade estava na sala de sua casa e ouviu barulho no quintal de sua casa e acendeu a luz. Em razão disso, os meliantes saíram correndo e durante a fuga um deles deixou o telefone celular que trazia consigo. O aparelho foi apreendido para que um laudo pericial seja feito.

Verificando o aparelho os policiais constataram que ele continha dados e fotos de um cidadão que já é bastante conhecido na criminalidade, mas não ficou comprovado se era ele que estava na cena do crime. Por isso ele está sendo procurado para que o caso seja esclarecido.