Rapaz morre no HC da Unesp por overdose de cocaína

Depois de permanecer internado por cerca de 48 horas em estado muito grave por overdose de cocaína, um rapaz  chamado Diogo J.G.,  de 26 anos de idade, morreu na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital das Clínicas (HC) da Unesp de Botucatu, neste sábado.

O drama de Diogo começou na última quinta-feira quando fazia uma viagem de ônibus de São Paulo a Presidente Epitácio, sua cidade de origem. Porém  em parada para descanso em um posto de gasolina/restaurante na SP-280 Rodovia Presidente Castello Branco, município de Pardinho, ele entrou em um dos banheiros para fazer uso de cocaína.

Em razão da reação da droga Diogo ficou violento e passou a chutar a porta, a pia e o vaso sanitário do banheiro e acabou desmaiando tendo uma parada cardíaca, sendo atendido pelos socorristas da Concessionária Rodovias Tietê, com apoio da Polícia  Militar Rodoviária, através do cabo Milanesi.

Após  receber os primeiros socorros  Diogo foi colocado na viatura da concessionária e durante seu trajeto até o HC de Botucatu teve outras duas paradas cardíacas. Foi internado em estado grave, mas não resistiu e veio a entrar em óbito. No banheiro onde ele estava no posto foi localizado pela Polícia Rodoviária, sete pinos usados para acondicionar cocaína  vazios.