Rapaz é preso vendendo o próprio objeto furtado da vítima

Um caso, no mínimo inusitado foi registrado pela Polícia Militar de Botucatu envolvendo um rapaz chamado Maicon Henrique de Souza Alves, que foi surpreendido com um iPod  (tocador de áudio digital) pertencente a Pizzaria Semião. Alves se deslocou até aquele estabelecimento comercial e queria vender o aparelho.

Acontece que esse iPod  era de um crime de furto cometido há 30 dias e que estava sendo investigado pela Polícia Civil. Na ocasião do crime, cinco iPods haviam sidos furtados. Ele alegou que havia comprado o iPod e desconhecia o paradeiro dos outros quatro que foram subtraídos do local.

Após receber voz de prisão dados pelos policiais militares cabos Tibúrcio e Amarildo o acusado resistiu e fugiu correndo, mas foi perseguido e capturado em um posto de gasolina na Avenida Pedretti Netto e conduzido ao Plantão Permanente onde prestou depoimento antes de ser recolhido à Cadeia Pública de Itatinga.