Rapaz baleado em baile funk morre na Unesp

Depois de ser baleado em um baile funk, no domingo passado, o jovem Luan Gustavo da Silva, de 20 anos de idade morreu no início da noite desta terça-feira na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), do Hospital das Clínicas (HC) da Unesp de Botucatu. Ele havia sido internado em estado bastante grave com um tiro no abdome e, desde então, estava sendo mantido vivo à custa de aparelhos.

Segundo consta no relatório policial, Silva havia entrada em uma festa de aniversário com amigos na Rua Mario Spera, no Parque dos Pinheiros, quando recebeu o disparo. Com a chegada dos policiais militares Forner e David, a vítima já havido sido socorrida por amigos e levado até a Unesp.
 
O caso foi registrado no Plantão Permanente onde foi registrado o Boletim de Ocorrência (BO)  como tentativa de homicídio e encaminhado ao setor investigativo da Polícia Civil que está ouvindo as pessoas que estavam no local para detectar quem poderia ter disparado o tiro que vitimou o jovem. Nas próximas horas o caso poderá ser desvendado.

 

Foto: Reprodução do facebook