Preso em Botucatu marginal de alta periculosidade

Na tarde desta terça-feira (21) os guardas civis municipais inspetor Trombaco e agente Giselle realizavam patrulhamento pela região da Cohab I quando se depararam com um veículo VW Golf, placas CEF-7886, de Avaré, na cor vermelha e dentro desse automóvel estava um conhecido marginal de alta periculosidade, chamado Willian Ricardo Monteiro Soares, de 30 anos, conhecido por “Pi”, tendo em sua ficha criminal (capivara do dialeto carcerário) prática de crimes como roubos, tráfico e associação ao tráfico de drogas.

Os GCM’s já sabiam que Soares estava sendo procurado pela Justiça com condenação de 10 anos de reclusão em regime fechado pelos crimes de tráfico de drogas e associação ao tráfico. Ao perceber a viatura o indivíduo arrancou bruscamente com seu veículo empreendendo fuga sendo acompanhado e a fuga foi passada via rádio pedindo apoio. O marginal adentrou pela Rua Curuzu e ao chegar no cruzamento com a Rua Adolfo Lutz abandonou o veículo e adentrou a um matagal.

Viaturas da GCM e Polícia Militar (PM) cercaram o local desde o Bairro Lavapés, Comerciários, Flora Rica e Palos Verdes e iniciaram as buscas, que resultou na prisão do procurado pela Justiça, escondido ? s margens de um ribeirão. Durante busca pessoal foi localizado uma porção bruta de maconha pesando 10 gramas e a importância de R$157,00 em dinheiro.

Participaram dessa operação, o subcomandante Pimentel, inspetores Destro e Trombaco, agentes Giselle, Prado, Lazarini, Nogueira e Vaz, além dos policiais militares sargentos Laudo e Rosivaldo e os soldados Alex e Luís Alberto. O condenado foi apresentado ao delegado Antenor de Jesus Zeque que deliberou pela recolha do procurado pela Justiça ? cadeia de Itatinga. Também a autoridade civil apreendeu o veículo, bem como o dinheiro e entorpecente.