Polícia Civil e GCM realizam Operação Bloqueio na Cidade

Na tarde dessa quinta-feira (04) uma grande operação bloqueio foi montada, conjuntamente, entre a Guarda Civil Municipal (GCM) e Polícia Civil. Agentes e policiais se posicionaram em pontos estratégicos da cidade, principalmente nas entradas e saídas da cidade e nas imediações das escolas, realizando vistoria em carros e motocicletas. A concentração foi feita na sede da Guarda Civil Municipal. De lá os policiais saíram em comboio, direcionando-se para locais pré-determinados.

“Entendemos que este tipo de operação conjunta é muito importante, pois mostra o entrosamento entre a polícia e GCM e isso dá uma sensação de segurança para a população, gerando clima de intranquilidade para pessoas mal intencionadas que estejam pensando em praticar algum tipo de delito. Também fiscalizamos as escolas que receberão as delegações que virão de diferentes cidades do Estado para participar das Olimpíadas Escolares”, colocou o comandante da GCM, Paulo Renato.

Ele revela que este tipo de operação também é feito em dias em que pessoas recebem pagamento e os marginais procuram se aproveitar das oportunidades que surgem, como pegar pessoas desprevenidas saindo de uma agência bancária ou de um estabelecimento comercial. “Porém, quando o marginal observa o movimento policial na rua ele desaparece”, disse o comandante.

O delegado titular da Delegacia de Investigações Gerais (DIG), Celso Olindo, que esteve na operação com vários investigadores e viaturas, detectou como fundamental esse trabalho de bloqueio em dias específicos para o combate ao crime.

“Operações conjuntas como esta são importantes para dar segurança ? população. Entendo que é assim que a polícia deve agir, ou seja, trabalhando em parceria para combater o inimigo comum que é o criminoso. Fiscalizando veículos podemos tirar armas e drogas de circulação”, frisou Olindo. “Esta foi mais uma das muitas outras operações que continuarão sendo desencadeadas na cidade”, finalizou.

{n}Rapaz é preso por furto{/n}

Durante a operação, a equipe do Grupo Especializado em Patrulhamento Ostensivo com Motocicleta (GEPOM) com os agentes Denardi e Antunes, efetuou a prisão de um cidadão chamado Paulo Roberto da Silva Cruz Júnior, de 25 anos de idade, que arrombou um Fiat Uno, com placas de Pardinho que estava estacionado entre as Ruas Djalma Dutra e João Passos, região central da cidade.

Para entrar no veículo o marginal usou um garfo com a ponta torta e uma faca e subtraiu duas sacolas que estavam nos bancos do carro contendo peças íntimas femininas e produtos de beleza avaliados em R$ 180,00 e um rádio toca CDs, no valor aproximado de R$ 350,00.

O meliante, que já tem outras passagens por furto, foi encaminhado ao 1º Distrito Policial (DP) onde foi autuado em flagrante de furto qualificado pelo delegado Marcelo Lanhoso de Lima e recolhido ? Cadeia Pública.

Fotos: Valéria Cuter

{bimg: 24931:alt=interna1:bimg}