Polícia apreende pasta de cocaína no Bairro Alto

Fotos: Valéria Cuter

Os policiais civis Jofre, Afonso e Paulinho da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) realizaram a apreensão de 342 gramas de pasta de cocaína, droga suficiente para fabricar 1.0000 porções para venda direta a usuários. A droga estava em poder de Heleil Francisco da Silva, de 24 anos, conhecido como “Panatone”, que acabou preso em flagrante.

A operação se deu na Rua Duvílio Leão, no Bairro Alto, quando os policiais cumpriam mandado de busca e apreensão visando coibir crimes de roubos e furtos juntamente com a Polícia Militar (PM) e Guarda Civil Municipal (GCM). Na casa de Heleil, que já possui várias passagens policiais, a droga foi localizada.

Esse rapaz foi conduzido ? Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (DISE) onde foi ouvido pelo delegado Carlos Antônio Improta Julião Filho e indiciado em crime de flagrante de tráfico de entorpecentes.

Na delegacia Heleil revelou que havia saído da prisão há um mês, mas tinha dívidas de drogas a pagar e quando em liberdade foi cobrado por uma pessoa (não disse o nome), que exigiu que o pagamento fosse feito com urgência.

“Como eu não tinha dinheiro essa pessoa me incumbiu de guardar essa droga para saldar a dívida”, conta o indiciado que seria dependente de droga. “Infelizmente, entrei nesse mundo (do vício) e acabei me endividando. Entrar nele (vício) é muito fácil, sair dele é que é um problema”, acrescentou.