PM registra disparo de arma de fogo em casa noturna

Os policiais militares cabo Eduardo e soldado Alex atenderam a um caso de disparo de arma de fogo ocorrido em uma casa noturna instalada na Avenida Vital Brasil, região da Vila Aparecida, onde a presença de pessoas é acentuada, principalmente aos finais de semana.

De acordo com o Boletim de Ocorrência (BO) houve um desacordo comercial que gerou uma discussão entre o proprietário do estabelecimento, Wolfson Silva, com o empresário de locação de sistema de som, Leandro Russo.

O proprietário teria se apossado de uma pistola semi-automática e disparado um tiro contra o locatário, para tentar intimidar. A Polícia Militar foi acionada e os dois foram conduzidos ao Plantão Permanente. Os policiais também localizaram a pistola com carregador para 15 tiros, sendo que 13 estavam intactos.

Depois de ouvir a versão das duas partes envolvidas nesse episódio, o delegado Celso Olindo confeccionou o Boletim de Ocorrência (BO) de disparo de arma de fogo e arbitrou uma fiança de R$ 2.000, 00 ao empresário da noite. Na sequência, ambos foram liberados.