PM realiza dois flagrantes de embriaguez ao volante

Um dos crimes que acontece com muita freqüência na Cidade diz respeito  a pessoas embriagadas  conduzindo veículos automotores, colocando suas vidas e a dos semelhantes em risco e nem sempre os infratores são presos, já que a lei faculta ao criminoso o direito ao pagamento de fiança.  Nas últimas horas mais dois casos foram registrados.

Na Rua Conde de Serra Negra, Distrito de Vitoriana os policiais detiveram um rapaz que encontrava-se conduzindo uma motocicleta fazendo manobras perigosas. Conduzido ao Plantão Permanente a autoridade policial civil elaborou auto de prisão em flagrante delito por embriaguez ao volante, sendo arbitrada fiança no valor de R$ 1.500,00, a qual foi paga sendo o infrator liberado. Veículo recolhido ao pátio de recolhimento

Outro caso aconteceu na Avenida Vital Brasil,  na Vila Sônia, Botucatu, quando os policiais detiveram o condutor de um carro  Fiat/Tempra. Na abordagem o cidadão  demonstrando  irritabilidade, dificuldade de equilíbrio e exalando odor etílico, recusou-se a fazer o teste do bafômetro. Diante disso foi dada voz de prisão ao mesmo por embriaguez.

No veículo havia uma mulher, que ao ver o namorado detido, começou a ofender a guarnição e fazer ameaças. Ambos foram apresentados ao Plantão Policial os dois foram indiciados (um por embriaguês e o outro por desacato e ameaça).  Como o condutor estava embriagado, não é habilitado e o documento do veículo encontrava-se atrasado ele foi encaminhado a Cadeia Publica de Itatinga, ficando a disposição da Justiça. Autora da ameaça foi liberada.

 

Foto: Divulgação