Operação Bloqueio é feita para coibir a criminalidade

Polícia Civil, Polícia Militar (PM) e Guarda Civil Municipal (GCM), se posicionaram em pontos estratégicos, principalmente nas entradas e saídas da cidade e nas imediações das escolas, para realizar uma Operação Bloqueio, fazendo vistoria em carros e motocicletas. O objetivo da operação foi averiguar a situação documental dos veículos e condutores, assim como apreensão de armas ilícitas e drogas, além de capturar pessoas procuradas pela Justiça.

O delegado titular da Delegacia de Investigações Gerais (DIG), Celso Olindo, que esteve na operação com vários investigadores e viaturas, detectou como fundamental esse trabalho de bloqueio em dias específicos para o combate ao crime.

“Operações conjuntas como esta são importantes para dar segurança ? população. Entendo que é assim que a polícia deve agir, ou seja, trabalhando em parceria para combater o inimigo comum que é o criminoso. Fiscalizando veículos podemos tirar armas e drogas de circulação”, frisou Olindo.

Para o inspetor Pimentel o entrosamento entre a polícia e GCM dá uma sensação de segurança para a população, gerando clima de intranquilidade para pessoas mal intencionadas que estejam pensando em praticar algum tipo de delito. “Esta foi mais uma das muitas outras operações conjuntas que continuarão sendo desencadeadas na cidade”, disse.

O tenente Noronha, da PM, revela que este tipo de operação também é feito em dias em que pessoas recebem pagamento e os marginais procuram se aproveitar das oportunidades que surgem, como pegar pessoas desprevenidas saindo de uma agência bancária ou de um estabelecimento comercial. “Porém, quando o marginal observa o movimento policial na rua ele desaparece”, destacou o policial.

Fotos: Valéria Cuter