Mulher esfaqueia seu marido em briga no Port Said

A mulher alegando legítima defesa apanhou uma faca de cozinha e desferiu um golpe contra  o abdome do companheiro e os vizinhos acionaram a PM e o resgate do Corpo de Bombeiros

 

Como se trata de uma briga entre marido e mulher,  ambos com 41 anos de idade,  e o caso está sendo apurado, os nomes das pessoas envolvidas na ocorrência, registrada como lesão corporal dolosa, serão mantidos em sigilo, até que tudo seja esclarecido. A ocorrência foi atendida pelos policiais militares cabos Forner e Raul.

Tudo aconteceu por volta das 23h30 desta sexta-feira em uma residência na Rua Álvaro Zacharias, região do Porto Said, onde o casal se desentendeu e entrou em luta corporal.  A mulher alegando legítima defesa apanhou uma faca de cozinha e desferiu um golpe contra o abdome do companheiro. Vizinhos acionaram a PM e o resgate do Corpo de Bombeiros.

O homem ferido com gravidade recebeu os primeiros socorros da equipe de resgate e foi conduzido ao Pronto Socorro do Hospital das Clínicas (PSHC) da Unesp em Rubião Júnior. Como  a faca  perfurou seu  intestino ele teve que entrar em trabalho de cirurgia logos após dar entrada ao hospital e permanece em observação.

A mulher foi conduzida ao Plantão Permanente da Polícia Civil  onde foi ouvida e indiciada por crime de lesão corporal. O crime de lesão corporal no Direito Penal Brasileiro está presente no artigo 129 e seus parágrafos e incisos rezam que a pena pode ser agravada se o resultado causar alteração anatômica  (sequelas) na vítima.