Mulher é ameaçada por vaga em estacionamento

Uma mulher que terá sua identidade preservada, compareceu à base da Guarda Civil Municipal relatando que recebeu uma carta anônima sofrendo ameaças após uma desinteligência ocorrida referente a uma vaga de estacionamento próximo de sua residência.

Após colher as informações, a guarnição formada pelos agentes Lazarini e Odair, realizaram o atendimento e em contato com a mulher foram informados pela mesma que a carta foi recebida via correio, contendo mensagens de ameaças e que teve início após uma discussão ocorrida no trânsito referente a uma vaga de estacionamento próxima a sua casa. A mulher relatou também que com relação às ameaças recebidas já tomou as medidas necessárias e elaborou o Boletim de Ocorrências na Delegacia da Defesa da Mulher (DDM).

Em relação ao questionamento sobre o estacionamento e guia rebaixada, a referida mulher foi encaminhada à Semutran (Secretaria Municipal de Trânsito) onde recebeu todas as informações necessárias, sendo liberada em seguida.