Mulher de programa acusa dois rapazes de estupro

Um caso registrado no Plantão Permanente durante a madrugada deste sábado (29) como estupro foi denunciado por uma mulher de 19 anos de idade, contra dois homens. O caso será investigado pela Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) e os nomes das pessoas envolvidas serão mantidos em sigilo até que o caso seja, devidamente, apurado.

Segundo informações dessa mulher que faz programas sexuais, dois homens em um veículo Vectra a abordaram na Praça Comendador Emílio Peduti – Bosque, onde ela faz “ponto”. Ele conta que entrou no carro que se deslocou até a um bar na ponte do Rio Tietê (também conhecida como Ponte do Rio Jaú), no km 159 da SP-191 Rodovia Geraldo Pereira de Barros, onde existe uma Colônia de Pescadores e passaram a ingerir bebida alcoólica.

Em dado momento um dos rapazes a convidou para ir até um local ermo, num matagal. Quando os dois praticavam o ato sexual o outro rapaz que havia ficado bebendo no bar, também quis participar do ato, mas foi rejeitado pela mulher. Porém, usando força física, os dois acusados a teriam forçado a praticar o ato sexual a três.

Quando estavam retornando para Botucatu, os dois homens fizeram com que descesse do carro no km 165 (seis quilômetros após a ponte onde eles estavam bebendo) e ela foi deixada no acostamento da rodovia, tendo que caminhar de volta a ponte para solicitar ajuda. A Polícia Militar (PM) deslocou-se até o local para registrar o fato e encaminhar a vítima ao Plantão Permanente para que o Boletim de Ocorrência (BO) fosse elaborado.