Mulher de 62 anos é presa com meio quilo de cocaína

Um trabalho desencadeado pelos policiais da Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (DISE), na Rua Vicente Pimentel, no Distrito de Rubião Júnior, nesta sexta-feira, culminou com a apreensão de meio quilo de cocaína e dezenas de saquinhos plásticos usados para embalagem da droga. Presa em flagrante uma mulher de 62 anos de idade, chamada Maria I.B.T., que acabou indiciada em crime de tráfico de entorpecentes e aparenta ter problemas psiquiátricos.

A polícia realizava uma operação no local com o intuito de prender um rapaz conhecido como Leandro Amarelo, acusado de comandar o tráfico naquela região do Município e perceberam que Maria estava no quintal com uma sacola plástica na mão.

Os policiais flagraram quando a mulher jogou a sacola plástica por cima do muro em um terreno baldio. Nessa sacola havia 500 gramas de cocaína e saquinhos de embalagem. A droga daria para fabricar até 1.500 papelotes de cocaína para venda direta ao usuário.

De acordo com o delegado Paulo Buchignani que esteve no comando da operação, a mulher estaria guardando droga para um traficante daquela região (Leandro). “Isso é um alerta para quem guarda droga para traficantes. Essa mulher, aparentemente, inofensiva acabou sendo presa em flagrante e vai responder por crime de tráfico de entorpecentes. Ela revelou que obrigada a guardar a droga para esse rapaz que está sendo investigado por crime de tráfico. Ele será responsabilizado pela droga e iremos pedir sua prisão preventiva”, adiantou Buchignani.

A mulher foi ouvida e indiciada pelo delegado em crime de tráfico de entorpecentes e recolhida ? Cadeia Pública de Itatinga. No caso de uma condenação da Justiça ela poderá pegar uma pena que varia de cinco a 15 anos de reclusão. Maria foi assistida pela advogada Silvana Pradela Carli.

Fotos: Macaru