Motociclista perde a vida em acidente no centro de Botucatu

A Polícia Militar (PM) de Botucatu atendeu a um acidente na região central que resultou em mais uma vítima fatal no trânsito da Cidade, envolvendo motocicleta que é responsável pela grande maioria das ocorrências policiais registradas diariamente na Cidade. De 10 acidentes com vítimas, pelo menos, seis envolvem motoqueiros.

Desta feita, quem perdeu, precocemente, a vida foi o marceneiro Gilson da Silva Mandú, de 29 anos de idade e o acidente aconteceu por volta das 22h45 desta sexta-feira (7), no cruzamento das ruas Prudente de Morais com a General Telles, ao lado do Espaço Cultural “Francisco Gabriel Marão”.

Consta que um veículo VW Gol com placas de São Bernardo do Campo conduzido por Felipe da Silva Luz, que mora em Rolandia, de Roraima e veio passar o feriado prolongado em Botucatu, trafegava pela Rua Prudente de Morais e não teria parado no cruzamento (havia uma placa de PARE na esquina) vindo a colidir com a motocicleta Honda 125 cc, placas de Botucatu conduzida por Gilson Silva que vinha pela sua preferencial na Rua General Telles.

Com o impacto da colisão o motoqueiro foi arremessado contra o alambrado que cerca o Espaço Cultural batendo com a cabeça contra uma pilastra de ferro. Ele foi socorrido ainda com vida pela equipe especializada da unidade do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (SAMU), mas não resistiu aos ferimentos e veio a falecer.

Policiais militares tiveram que retirar o motorista do Gol do local do acidente já que algumas pessoas o acusavam de ser o responsável pela morte do motoqueiro e ameaçavam agredi-lo. O caso foi encaminhado ao Plantão Permanente onde foi registrado o Boletim de Ocorrência (BO). O inquérito policial será aberto pela 1ª Central de Polícia Judiciária para que as causas do acidente sejam apuradas, com a ajuda do laudo pericial a ser elaborado pela Polícia Técnica Científica que esteve no local.