Motociclista perde a vida em acidente na Rondon

Horas depois de ter sofrido um acidente e ser internado em estado grave no Pronto Socorro (PS) do Hospital das Clínicas (HC) de Rubião Júnior, o motociclista Antônio Carlos Lourenço Guilherme, de 32 anos, veio a entrar em óbito nessa quinta-feira (11). Desde sua internação ele estava sendo mantido vivo por aparelhos, mas teve morte cerebral decretada pela equipe médica. A família permitiu que seus órgãos fossem doados e usados em pacientes que necessitam de transplante.

Aponta o relatório da Polícia Militar Rodoviária, que Antônio Carlos estava realizando um cruzamento na rotatória frente ? base do Departamento de Estradas de Rodagem (DER) na transversal da via de acesso a entrada de Botucatu, sentido Bairro-Centro, quando, por motivos ainda não esclarecidos, colidiu em um caminhão, com placas de São Paulo, que vinha sentido Interior-Capital. Como passageiro da motocicleta estava uma mulher de nome Jaqueline Ferreira da Silva, de 27 anos, que sofreu ferimentos, sem correr risco de vida.

As vítimas foram socorridas pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e pela Unidade de Resgate da Concessionária Rodovias do Tietê e encaminhadas ao Hospital das Clínicas da Unesp de Botucatu. No local esteve a Polícia Técnica Científica para elaborar o laudo pericial que irá descrever em que circunstâncias o acidente aconteceu.