Morre funcionária do HC que se acidentou em rodovia

Fotos: Valéria Cuter

Depois de permanecer internada em estado grave por cerca de 48 horas, a funcionária do Hospital das Clinicas de Botucatu Marly Batista Ribeiro Giudice, de 44 anos de idade, faleceu nesta quinta-feira (19) na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Marly Giudice sofreu um acidente bastante grave ocorrido esta semana no km 02+650 metros da Rodovia Domingos Sartori, principal via de ligação entre Botucatu a Unesp, região do Parque das Cascatas e foi socorrida com vida pela equipe de resgate do Corpo de Bombeiros, com o sargento Geraldo, cabo Machado e soldado Onório. Ela foi encaminhada em estado bastante grave, com várias fraturas até o Pronto Socorro (PS) do HC, onde passou por uma intervenção cirúrgica, mas não resistiu aos ferimentos,

Na ocasião dos fatos apontou o Boletim de Ocorrência (BO) de natureza lesão corporal grave, assinado pelo delegado Marcelo Lanhoso de Lima, na 1ª Central de Polícia Judiciária, que Marly Giudice trafegava com sua motocicleta Honda Biz, placas DHI-6581, sentido Rubião Júnior a Botucatu, quando a moto foi colhida por um veículo Honda Fit, placas DZY-2758, que vinha em sentido contrário e estava fazendo a conversão na rotatória para chegar ao Condomínio Terras Altas. Esse carro tinha na direção a fisioterapeuta Fernanda Rayel Amat, de 32 anos.

Com o impacto da colisão a funcionária pública foi arremessada da moto contra o asfalto sofrendo fratura exposta nas pernas e traumatismo craniano e foi internada no HC, onde permaneceu sob cuidados médicos. Também esteve no local os socorristas da Rodovias Tietê, Polícia Militar Rodoviária e a Polícia Técnica e Científica. O inquérito policial foi aberto para apurar as causas do acidente.