Ladrão furta casa de policial militar e se dá mal

Definitivamente, Edvan Rocha, de 21 anos de idade, foi infeliz ao cometer um furto na Rua Dr. Damião Pinheiro Machado, na Vila São Lúcio. Ele invadiu justamente a casa do policial militar da reserva, José Moura.

O cidadão aproveitando-se da ausência do PM arrombou a casa e furtou vários produtos. O marginal levou os objetos furtados em um dos vagões da antiga Fepasa que está há vários anos abandonado.

A ação do marginal foi flagrada por uma testemunha que acionou a PM através do telefone 190. No local estiveram o cabo Paulino e o soldado Rodrigues que flagraram Edvan no vagão do trem com os produtos furtados da casa do policial. Ele havia levado uma bolsa, uma barra de ferro, um liquidificador, um secador de cabelo e um aparelho de DVD.

Encaminhado ao Plantão Permanente, foi apresentado ao delegado Marcelo Lanhoso de Lima, que confeccionou o Boletim de Ocorrência (BO) determinando o seu recolhimento ? Cadeia Pública local.

Vale destacar que esse cidadão saiu da cadeia, recentemente. Ele foi apontado como o autor de um roubo cometido na Vila Maria, quando teria invadido uma residência e agredido uma mulher. Na fuga ele acabou sendo atropelado por um caminhão, mas mesmo ferido conseguiu fugir sendo preso, posteriormente, numa ação da polícia.

Outro detalhe é que na malha ferroviária nas proximidades da Vila Ema/Jardim Paraíso, estão diversos vagões de trem de carga abandonados. Esses locais acabam se transformando em refúgio de desocupados que fazem uso de drogas e prática de sexo.