Ladrão é preso em flagrante após simular suicídio

No início da tarde desta quarta-feira (21), os guardas municipais inspetor Barcaça e agente André, bem como Lazarini e Leandro do Grupo Especializado de Patrulhamento Com Motos (Gepom) realizaram um atendimento em conjunto com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e Polícia Militar (PM), onde segundo informações um indivíduo estaria tentando suicídio na região do Lavapés.

Com a chegada dos agentes verificou-se que um cidadão (Alexandre R.S.) de 40 anos estava no interior da residência sentado numa cadeira e com uma faca no seu próprio pescoço, simulando uma tentativa de  suicídio. Com ação dos agentes o indivíduo acabou desistindo daquela ação, mas, estranhamente, no momento da verbalização ele dizia a todo momento que não queria ser preso.

Após imobilizar o indivíduo os agentes foram informados por um cidadão, que momentos antes havia flagrado o “suicida” tentando furtar a carretinha de um veículo. Após ser interpelado pela vítima, ele teriam apanhado uma faca e começou a gritar dizendo que iria cometer suicídio para não ser preso.

Diante do fato foi dada voz de prisão ao indiciado, que ficou em observação médica no Hospital das Clínicas (HC) sob escolta policial. Porém o fato foi apresentado junto a Primeira Central de Polícia Civil, onde o delegado Marcelo Lanhoso de Lima ratificou a voz de prisão dada pelos guardas e deliberando a prisão em flagrante pelo crime de furto qualificado tentado.