Identificado terceiro assaltante que roubou chácara

Fotos: Valéria Cuter

A polícia já sabe o nome do terceiro elemento que participou de um assalto na madrugada do dia 18 contra uma família na Chácara Nossa Senhora das Graças, área rural da Cidade de Pardinho, que mobilizou vários homens e viaturas da Polícia Civil, Polícia Militar (PM) e Guarda Civil Municipal (GCM).

Dois componentes da quadrilha, Tiago Vinícius Burgarelli de Albuquerque, de 21 anos e Adriano Rodrigues da Silva, de 34, foram presos em Botucatu, horas depois do crime. O terceiro conseguiu escapar do cerco policial, mas foi identificado e está sendo procurado. Trata-se de Danilo Eduardo de Campos Raul, de 21 anos, conhecido como “Alcáida”.

{n}O crime{/n}

O trio armado com revólveres e encapuzado chegou ao local em um veículo VW Parati branca, invadiu a casa da chácara e rendeu a família de Carlos Alberto Galvani, que foi agredido pelos marginais. Eles anunciaram o roubo disparando três tiros para o ar com o propósito de intimidar as vítimas e evitar qualquer tipo de reação.

Os marginais levaram da casa, entre outras coisas, um notebook, três telefones celulares, relógios, R$ 300,00 em dinheiro e um veículo Chevrolet Prisma, com placas de Pardinho que estava na garagem. Esse carro foi, posteriormente, abandonado na Rodovia Gastão Dal Farra, nas imediações do Jardim Aeroporto, Município de Botucatu e localizado pela GCM.

Na fuga, um deles (Albuquerque), deixou cair o seu telefone celular e através dele o Serviço de Inteligência da PM e policiais civis da Delegacia de Investigações Gerais (DIG), chegaram até a namorada do criminoso, que foi preso pela Força Tática em sua casa na Cohab I. Na sequencia foi preso Adriano Silva.