Homem espanca mulher e resiste a voz de prisão

Policiais militares cabo R. Silva e soldado Balarim atenderam a um caso registrado no Plantão Permanente da Polícia Civil pelo delegado Marcos Mores como lesão corporal, desacato e resistência, na Rua Mariana Jaqueta Santos, região do Jardim Paraíso.

Está descrito no relatório policial que os policiais se deslocaram para o local dos fatos para atendimento de ocorrência de desinteligência onde uma mulher toda ensangüentada informou que havia sido agredida pelo seu marido de nome Gilmar.

Ao tentar conversar com o indiciado, o mesmo aceitou, porém quando informado de que seria conduzido à delegacia, correu para o interior da casa e passou a ofender os policiais com palavras de baixo calão e resistiu a prisão, sendo necessário o uso moderado de força, bem como a utilização de meios não letais para colocação das algemas. Ele foi ouvido e liberado, enquanto a vítima teve que ser conduzida ao Pronto Socorro (PS) para ser medicada.