Homem é preso após incendiar casa de sua mãe em Vitoriana

Um caso de incêndio doloso (intencional) foi registrado pelos policiais militares Borges e Alex, com apoio dos agentes Pires e Júlio, da Guarda Civil Municipal (GCM), na noite desta sexta-feira (6) em uma casa instalada na Rodovia Alcides Soares, nº 180, bem próximo a entrada do Distrito de Vitoriana.

Descreve o Boletim de Ocorrência (BO) que um cidadão de nome Jorge Gomes da Silva, de 30 anos de idade, ateou fogo na residência depois de se desentender com a sua esposa. O fato é que para se vingar da companheira foi até a casa de sua mãe, Júlia Maria da Silva, de 54 anos, proprietária do imóvel e causou o incêndio.

Sua mãe que cuidava da filha do casal que se desentendeu e, aparentemente, não tinha nada a ver com a desavença familiar entre o filho e a nora, não estava no local quando o fogo começou, mas acabou ficando no prejuízo. Quando chegou ao local com a neta o fogo já estava controlado e ficou desolada ao ver sua casa destruída. Com essa atitude, Jorge Silva deixou sua mãe e sua filha desabrigadas, que agora irão necessitar de ajuda de entidades assistenciais e da comunidade para reconstruir o que perderam.

Como a residência era feita de madeira e alvenaria, o fogo propagou-se rapidamente e destruiu todos cômodos e os móveis. Alguns ainda estavam sendo pagos ? prestação. Foi acionado o Corpo de Bombeiros e o incêndio foi controlado antes que fagulhas atingissem outras casas nas proximidades.

Com a chegada da PM ao local, o indiciado foi localizado e preso, sendo conduzido ao Plantão Permanente onde foi autuado em flagrante pelo delegado Paulo Fábio Buchignani e recolhido ? Cadeia Pública local, indiciado em crime de incêndio doloso e violência doméstica.