Guarda Municipal de Botucatu prende foragido da “saidinha de Páscoa”

Na tarde desta quinta-feira (31), os guardas civis municipais Batista e Jayme efetuaram a prisão de Juliano Ermogênio da Silva, 25 anos. O fato aconteceu no Projeto CAMIM, onde um dos funcionários do local desconfiou das atitudes de um dos albergados e acionou a GCM, através do telefone 199. Durante averiguação os guardas constataram que o indivíduo estava sendo procurado pela justiça, já que foi beneficiado pela saída temporária de Páscoa, porém descumpriu o prazo para o retorno ao presídio, que deveria ter sido às 17h da última terça-feira (29).

Diante dos fatos o foragido foi encaminhado à Delegacia de Investigações Gerais (DIG), onde o delgado Celso Olindo determinou pela recolha dele junto à Cadeia Pública de Itatinga, onde aguardará transferência para cumprir a pena que lhe foi imposta pela justiça, com condenação de 9 anos e 3 meses pelos crimes de tráfico de entorpecente, associação ao tráfico e corrupção de menores. Segundo informações do indivíduo ele já cumpriu 3 anos e 3 meses e essa foi a primeira saidinha dele.