Grupo Ambiental resgata Gavião Carcará ferido

Atendendo solicitação feita via 199 o Grupo de Proteção Ambiental (GPA) formado pelos Guardas Civis Municipais Carlos e Amâncio se deslocou até a Rua Benedito Franco de Camargo, região da Vila Nogueira (Cecap) para fazer o resgate de uma ave que consta na lista de animais em risco de extinção.

No local uma senhora de 61 anos havia localizado uma ave popularmente conhecida  por Gavião Carcará em seu quintal aparentando estar machucado. A ave foi capturada e conduzida ao Centro de Medicina e Pesquisa em Animais Silvestres (Cempas) onde ficou aos cuidados da equipe veterinária, comandada pelo professor doutor Carlos Teixeira.

O Gavião Carcará é uma ave altiva, imponente e forte, conhecida por sua excepcional visão e coragem, longo raio de ação e controle do território onde habita. O comprimento varia de 50 a 60 cm, e sua envergadura chega a 123 cm. Sua alimentação é composta de insetos, ovos de outras aves, aranhas, minhocas, cobras e outros invertebrados, além de alguns vertebrados, muitas vezes já mortos e até em início de decomposição. Costuma matar suas presas com bicadas na nuca. Come também frutas e grãos que encontra no chão.

Seu habitat são os campos, cerrados, matas e caatingas, e também a orla marítima. Com a redução do habitat, tem sido visto cada vez mais também nas grandes cidades. Em Botucatu esta espécie de ave pode ser observada no aterro sanitário, onde se alimenta de lixo caseiro.