GCM prende rapaz que furtou loja no Jardim Cristina

Ação desencadeada pela Guarda Civil Municipal (GCM) pelos agentes Trombaco, Pichinin e Rezende, do Grupo de Ações Preventivas Especiais (GAPE)resultou na prisão em flagrante por crime de furto de Thiago Rodrigo dos Santos Flores, de 19 anos de idade

Os agentes realizavam patrulhamento preventivo pela região do Jardim Cristina quando avistaram o individuo em atitude suspeita pela via e em sua mão trazia uma sacola grande. Desconfiando da postura do individuo realizaram a abordagem e localizaram dentro da sacola uma máquina fotográfica, aparelho toca CD, telefone celular, pen drive, entre outros objetos.

Indagado sobre a procedência dos produtos, Flores tentou convencer os guardas que tudo era de sua propriedade mais logo caiu em contradição e acabou confessando que teria furtado de uma marmoaria, na região central da cidade. Disse que desligou a energia e pulou dois muros até conseguir entrar por uma janela para o interior do estabelecimento. A perícia esteve no local.

Flores é conhecido nos meios policiais pela prática de furto e declarou aos agentes que faz uso de drogas desde os 12 anos de idade e nunca procurou ajuda. Revelou em seu depoimento que iria vender os produtos furtados próximo de um bar na região do Jardim Brasil.

O comandante da GCM Sérgio Luiz Bavia salientou que a ação foi muito importante e a prisão desse individuo poderá ajudar a polícia investigativa a esclarecer outros furtos cometidos por este cidadão. “A GCM continuará dando continuidade no trabalho de prevenção e atendimento de ocorrências através do telefone de emergência 199”, disse o comandante.

{n}Adolescente com cocaína{/n}

Outra ocorrência atendida pelo GAPE foi na Rua Zorobabel Ferreira de Sá, no Jardim Brasil, quando os agentes Rezende e Pichinin, em patrulhamento preventivo/ostensivo avistaram um adolescente de 16 anos de idade saindo de um terreno baldio no local.

Ao perceber que iria ser abordado o rapaz tentou se desfazer de alguns objetos, mas foi abordado e em seus bolsos foram encontrados R$ 205,00 em dinheiro, dois cordões de ouro, um celular Android e três blisters (pinos) de cocaína.