GCM e DIG capturam foragido da justiça na Rodoviária

Um trabalho realizado entre a Guarda Civil Municipal (GCM) e Delegacia de Investigações Gerais (DIG) resultou na prisão de um cidadão de 18 anos de idade, que estava com mandado de prisão expedido pela Justiça. Mesmo sendo maior de 18 anos não teve o nome divulgado, visto que o mandado que pesa em seu desfavor é de um ato infracional de tráfico de entorpecentes, com validade até 21 anos.

A ação começou quando o agente Adeilson que estava no Posto Comunitário da Guarda Civil Municipal no Terminal Rodoviário em dado momento observou que dois indivíduos, estranhamente, entravam e saiam de um bambuzal. O guarda solicitou apoio de outras viaturas da GCM, bem como da DIG, com o investigador Vitor. Foi realizado o cerco e os indivíduos tentaram fugir por uma área verde, mas acabaram sendo detidos.

Conduzidos ? DIG o delegado Celso Olindo deliberou pela prisão de um dos indivíduos, que tem mandado de busca e apreensão expedido e este foi encaminhado até a Cadeia Pública (transitória) de Itatinga e, provavelmente, nas próximas horas poderá ser internado na Fundação do Centro de Atendimento Socioeducativo ao Adolescente (CASA) para que possa cumprir o restante da medida determinada pelo juiz da Vara da Infância e Juventude.

Quanto ao outro indivíduo foi liberado, mas a polícia ressalta que os dois já foram surpreendidos em situação de tráfico no passado. Atualmente moram em Pardinho e não souberam explicar o que faziam em Botucatu. Participaram no apoio desta ocorrência o comandante Bavia, subcomandante Pimentel, inspetores Belo e agentes Nóbrega e Camargo.