Gavião carcará é resgatado de praça pública

Os guardas municipais inspetor Pichinin e agente Pedro resgataram uma espécie de gavião conhecido como carcará na Praça Martinho Nogueira,  região central da cidade. Ave que aparentava estar ferida foi encontrada por um munícipe que passava pelo local.

O gavião foi  resgatado e encaminhado ao Centro de Medicina e Pesquisa em Animais Silvestres (Cempas) da Unesp de Botucatu e ficou aos cuidados da equipe coordenada pelo professor doutor Carlos Roberto Teixeira para ser cuidado e, oportunamente, devolvido à natureza ao seu habitat.

Diferentemente de outras aves predadoras o carcará é um oportunista alimentando-se de insetos, anfíbios, roedores e quaisquer outras presas fáceis; ataca crias de mamíferos, como filhotes recém-nascidos de ovelhas e acompanha urubus em busca de carniça e procura frutas. Em Botucatu o carcará pode ser facilmente visto em bandos no Aterro Sanitário, na Rodovia Eduardo Zucari, onde se alimenta de resíduos de lixo doméstico.