Garoto de 7 anos é agredido com paulada na cabeça

 

Um caso que causou grande repercussão na cidade  e está sendo investigado pela Polícia Civil teve como vítima um garotinho de 7 anos de idade, vítima de uma lesão corporal na região do Residencial Santa Maria e atendido pelos policiais militares  Carlos Roberto e David.   

Aponta o relatório policial que esse garoto, a pedido da mãe, saiu para ir até uma padaria que fica próxima a sua residência e durante o trajeto foi agredido com uma paulada na cabeça desferido por uma pessoa que ainda não foi identificada.

Quando a mãe foi alertada do crime, o garoto já estava sendo atendido já que  testemunhas viram o menino sangrando em via pública e acionaram equipe médica do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu), que prestou atendimento ao ferido fazendo seu encaminhamento ao Pronto Socorro (PS) do Hospital das Clínicas (HC) da Faculdade de Medicina – Unesp,  para um exame mais apurado.