Gape prende rapaz procurado por crime de receptação

Agentes municipais depararam com o acusado em via pública e como já  era do conhecimento da equipe que estava sendo procurado pela justiça pelo crime de receptação acabou abordado  

 

Na noite desta segunda-feira os guardas civis municipais Nogueira, Vaz, Lourenço e Zambonato do Grupo de Ações Preventivas Especiais (Gape), acabaram realizando a prisão de Alex Henrique Gonçalves Di Credo de 25 anos de idade, conhecido como “Mônica”,  numa operação de patrulhamento preventivo/ostensivo de rotina pela Rua Jayme de Almeida Pinto, na Cohab I.

Consta no relatório da GCM que no local os agentes municipais depararam com o acusado em via pública e como se tratava de um cidadão bastante conhecido nos meios policiais e já seria do conhecimento da equipe que estava sendo procurado pela justiça pelo crime de receptação acabou abordado.  No Plantão Permanente o delegado Nelson Burin Neto elaborou o Registro Digital de Ocorrência (RDO) de captura de procurado e o indivíduo foi encaminhado à Cadeia Pública de Itatinga.

 

Surto psicótico

Agentes Petenucci e Dias atenderam um caso de surto psicótico, o fato aconteceu na Vila Padovan onde uma senhora de 59 estava totalmente alterada, diante dos fatos o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) realizou o atendimento.

 

Violência doméstica

Os guardas civis municipais Giselle e Da Silva, acabaram sendo solicitados pela Delegacia de Defesa da Mulher (DDM), já que no local estava uma vítima de violência doméstica, que havia feito Boletim de Ocorrência e necessitava retirar roupas e documentos pessoais, já que decidiu pernoitar em outro local.