GAPE apreende adolescentes com droga em construção

Guardas Civis Municipais da Equipe do Grupo de Ações Preventivas Especiais (GAPE), com o inspetor Pimentel e agentes Rezende e Adeilson efetuaram a apreensão de dois adolescentes na Rua Primeiro de Maio na Região da Vila Antártica, neste final se semana. O fato ocorreu após denúncia anônima feita ao número 199 revelando que os adolescentes estariam utilizando uma casa abandonada pra esconder a droga e que traficavam naquela rua há vários dias.

Diante da denúncia os agentes deslocaram-se até o local e depararam com dois adolescentes, de 13 a 14 anos, respectivamente, saindo da residência abandonada. Detidos e questionados (separados um do outro) acabaram confessando que, realmente, estavam traficando. Um dos menores mostrou aos agentes estavam escondidas 13 pedras de crack numa cômoda velha que estava dentro do imóvel. Já o segundo adolescente mostrou o esconderijo de 35 porções de cocaína, além de R$ 40,00 que trazia consigo.

O adolescente de 14 anos acabou negando que traficava naquele local, porém o outro confessou na íntegra, que, realmente, traficava naquele local há 02 meses e ganhava cerca de R$100,00 por dia vendendo apenas cocaína enquanto seu colega vendia crack. Segundo informações dos familiares dos menores eles não frequentam a escola e vivem fugindo de casa e muitas vezes já foram encontrados naquela região que já é bastante conhecida pela prática do tráfico de drogas.

Os menores na presença dos responsáveis foram apresentados no Plantão Permanente, onde a delegada Rose Mary Ribeiro Dias deliberou pela apreensão dos adolescentes que foram encaminhados ? cela especial na Cadeia Pública de Itatinga e, provavelmente, serão apresentados junto ao Ministério Público bem como a Vara da Infância e Juventude de Botucatu nesta segunda-feira.