Dupla de assaltantes é presa após assaltar Lotérica

Um trabalho conjunto das polícias Civil, Militar e Guarda Civil Municipal (GCM) esclareceu a um caso de roubo ? mão armada em tempo recorde em Botucatu. O assalto foi cometido por volta das 16 horas, desta segunda feira (29), por uma dupla de marginais e menos de meia hora depois o crime estava elucidado com a prisão de um dos elementos.

Foram presos nesta mega operação e enquadrados em crime de roubo ? mão armada, Raphael Agostinho Silva, de 20 anos, o Santista e Alexandre Cavalcanti Batista, de 30 anos, o Xande, ambos com várias passagens policiais. Outras duas pessoas foram detidas (um homem e uma mulher) como suspeitas de envolvimento no assalto, mas acabaram sendo liberadas.

Consta que Alexandre Batista, encapuzado e armado com uma pistola de brinquedo, invadiu a Lotérica Paratodos, instalada na Avenida Floriano Peixoto e anunciou a assalto. Do lado de fora ficou Raphael Silva, dando cobertura ao assalto. Após subtrair R$ 4.440,00 do caixa, a dupla de marginais fugiu tomando rumo do Ribeirão Lavapés.

Porém, os marginais foram vistos por uma viatura com os soldados Prates e Matheus e fugiram para o rio. Iniciou-se a perseguição e Raphael foi preso nas proximidades da Rua Expedicionário Almino Bernardes, enquanto seu comparsa conseguiu fugir.

Neste ínterim, a rede policial estava toda acionada e ciente do roubo ocorrido na Lotérica Paratodos. Com o encaminhamento de um dos envolvidos ? Delegacia de Investigações Gerais (DIG), os policiais não encontraram dificuldades para identificar e localizar o outro assaltante em uma casa na Rua Alfredo Tomaz Fázzio, região do Jardim Peabiru. O dinheiro roubado da lotérica foi entregue para uma mulher e recuperado.

Também foi apreendida pela polícia a roupa que o marginal havia utilizado no crime, assim como a pistola de brinquedo. A câmera de vídeo instalada na Lotérica não deixou dúvidas quanto ? autoria do crime. Ambos foram recolhidos ? Cadeia Pública local.

{n}Mais um roubo da dupla{/n}

Com esta prisão, a polícia esclareceu outro roubo ? mão armada praticado por esta dupla contra um entregador de pizza, na noite do último domingo (27), na Rua Armando Salles de Oliveira, região do Jardim Peabiru, tendo como vítima, o motoqueiro Adans Leandro Almeida de Lima.

Ele recebeu uma ordem para entregar uma pizza no local e os policiais apuraram que ao chegar foi surpreendido por Raphael que estava com uma barra de ferro na mão e Alexandre com uma pistola (provavelmente a mesma arma de brinquedo que usou no assalto da lotérica). Os marginais roubaram R$ 107,00 da vítima e fugiram.

Fotos: Jornal Acontece Botucatu