Dupla causa danos em vários veículos em diferentes pontos

Na noite deste domingo, a Polícia Militar (PM) de Botucatu com o cabo Silas e soldados Eliete e Marcos atendeu a um caso registrado como danos ao patrimônio público e desacato tendo duas pessoas indiciadas: Y.P.P.G. de 24 anos e M.R.C. de 22 anos.

Acionado via Controle Operacional da Polícia Militar (COPOM), a guarnição deslocou-se até a Rua Floriano Simões, região da Vila dos Lavradores, para atender a um caso de ocorrência de desinteligência em um posto de gasolina onde os dois indivíduos, aparentemente, embriagados estavam no local promovendo desordem.

No local os policiais foram informados que os dois haviam saído daquele posto em alta velocidade em um veículo VW Gol branco e chegado em uma lanchonete na Avenida Dom Lúcio e passaram a promover desavenças com os freqüentadores da referida lanchonete e pedestres.

Na sequência eles saíram dali e se deslocaram até a Praça da Catedral e usando as mãos teriam danificado um retrovisor do lado esquerdo de um veículo que estava regularmente estacionado. Posteriormente, danificaram outros retrovisores na Avenida Santa´Anna e Rua Vitor Atti.

A dupla acabou sendo abordada na Rua Floriano Simões, onde o condutor em visível estado de embriaguez, passou a proferir palavras de baixo calão a um dos policiais alegando que ele não tinha o direito de abordá-lo. Realizando buscas no veículo foi encontrado 0,004 kg de maconha na porta do lado do motorista.

Encaminhados ao Plantão Permanente eles foram apresentados ao delegado Marcelo Lanhoso de Lima (foto). Durante o trajeto eles também teriam danificado o compartimento de presos da viatura. Receberam voz de prisão, mas continuaram em liberdade, após pagar uma fiança estipulada em R$ 1.300,00 pelo delegado plantonista. Médico confirmou a embriaguês do condutor do veículo.