DISE realiza flagrante de tráfico na Vila Maria

Com ação desenvolvida pelos policiais civis da Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (DISE), Pelares e Valmir e o Boletim de Ocorrência (BO) confeccionado pelo delegado Carlos Antônio Improta Julião Filho, foi preso em flagrante nesta terça-feira (6) um rapaz de 19 anos chamado Júlio César Luiz, acusado de crime de tráfico de entorpecentes.

Os policiais foram informados de que na Rua Armando de Salles Oliveira, região da Vila Maria, estava havendo comércio de entorpecentes e fizeram o trabalho de campana observando a movimentação em um carro descaracterizado. “Acompanhamos duas vendas de entorpecentes e demos voz de prisão”, disse o investigador Pelares. “A droga ficava oculta em um esconderijo num terreno baldio e ele só ia buscar a quantia exata para atender as necessidades do usuário”, complementa.

Após dar voz de prisão a Luiz, os policiais foram até o esconderijo e apreenderam seis pedras brutas de crack pesando 32 gramas (que dariam para fabricar 100 pedras comuns);  12 pedras já prontas e embaladas para a venda ao usuário e quatro pinos de cocaína. Com o indiciado havia R$ 54,00.

Assistido pelo advogado Danilo Carreira e negando ser proprietário da droga o indiciado acabou enquadrado no artigo 33 da Lei de Entorpecentes e recolhido à Cadeia Pública de Itatinga para, oportunamente, ser apresentado em juízo. Em caso de uma condenação poderá pegar uma pena que varia de 5 a 15 anos de reclusão.