DISE efetua prisão por tráfico na “Boca da Marinalva”

Em campana pela Rua Antônio Fumes, região da Vila Antártica, num local conhecido como “Boca da Marinalva”, o policial civil Pelares, da equipe da Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (DISE) avistou um individuo fazendo contato com o ocupante de um Fiat vermelho, entregando-lhe droga.

Em seguida, o averiguado deslocou-se a um terreno baldio onde estaria escondido o restante dos entorpecentes.  Certo de que estava ocorrendo o tráfico, o policial solicitou apoio e com a chegada da equipe o suspeito recebeu voz de prisão e foi identificado como sendo José Roberto Sardinha Júnior, de 28 anos de idade.

Com ele foi encontrado uma pedra de crack e certa quantia em dinheiro. No relatório policial consta que no esconderijo do terreno onde ele mantinha droga foram encontradas 24 pedras de crack e 11 pinos de cocaína. Foi dado voz de prisão por tráfico ao indiciado sendo ratificada pelo delegado Paulo Fábio Buchignani, que determinou seu recolhimento à Cadeia de Itatinga.

Vale lembrar que essa atitude é comum em “biqueiras” de tráfico e para realizar a traficância a pessoa faz a “operação formiguinha”, ou seja, traz consigo apenas duas ou três porções de droga e deixa o montante maior da droga escondida em um local estratégico próximo do local onde “atende” usuários.