DISE apreende três quilos de pasta base de cocaína

Fotos: Valéria Cuter

Uma investigação que vinha sendo desenvolvida há vários dias, finalmente teve um final feliz para a Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (DISE) com os policiais Basseto, Rossi, Pelares, Valmir, João, Marcos Homem e Joaquim, comandados pelos delegados Paulo Fábio Buchignani e Carlos Antônio Improta Julião Filho.

Os policiais através da investigação sabiam que um rapaz chamado Willian Cesar Antunes da Silva, de 26 anos, que mora em Anhumas – Bairro Santo Antônio de Sorocaba, zona rural de Botucatu, teria se deslocado até a região de Piracicaba para trazer um carregamento de droga usando um Fiat Mille Way de cor branca, com placas de Itu.

Em campana na saída de Vitoriana, sentido Serra de Botucatu, o Fiat foi interceptado e Willian Silva recebeu voz de prisão e não teve tempo de esboçar nenhuma reação de fuga. Na parte traseira do carro, atrás do banco de passageiros, os policiais encontraram três “tijolos” de pasta base de cocaína, pesando um quilo cada um.

De acordo com o delegado Paulo Buchignani a droga apreendida daria para confeccionar pelo menos 6 mil porções para venda direta ao usuário que geraria um lucro aproximado de R$ 60 mil ao tráfico. Na delegacia, o indiciado lamentou sua sorte.

“Um rapaz que conheço pelo apelido de “Gordão” me procurou e me ofereceu dinheiro para buscar uma encomenda em Piracicaba sem me dizer o que era. Topei porque estava precisando, mas a polícia foi mais esperta. Ia deixar a “encomenda” no acostamento da rodovia em um lugar combinado e alguém iria buscar, mas não deu”, colocou Willian Silva, antes de ser recolhido ? Cadeia Pública de Itatinga.