DIG faz a apreensão de 1.460 maços de cigarros contrabandeados

Um crime de descaminho e contrabando foi elucidado pelos policiais especializados da Delegacia de Investigações Gerais (DIG), Sheila, Marcos, Caio, Vergílio e Castilho, sob o comando do delegado titular Celso Olindo.

Na operação os policiais fizeram a apreensão de 1.469 maços de cigarros, oriundos de contrabando do Paraguai em uma residência na Rua Francisco José Soares, na Vila São Luiz, sendo preso em flagrante um senhor aposentado de 60 anos de idade. Após prestar depoimento o indiciado foi liberado.

Os policiais estiveram na residência do aposentado para cumprir um mandado de busca e apreensão domiciliar expedido pelo juiz titular da 1ª vara Criminal e da Infância e Juventude da Comarca, Josias Martins de Almeida Filho. O indiciado não ofereceu resistência, nem dificultou o trabalho dos policiais.

Ao ser questionado pelos investigadores ele alegou que, de fato, revende cigarros e compra de um indivíduo que conhece apenas por Carlão, pagando R$ 500,00 por caixa fechada, que contém 50 unidades e revende por R$ 700,00 em sua casa.