Delegacia da Mulher prende rapaz acusado de estupro

A delegada Simone Alves Firmino, titular da Delegacia de Defesa da Mulher (DDM), atendeu a um caso de estupro ocorrido em uma fazenda no Bairro de Anhumas, zona rural da Cidade, contra uma mulher (W.C.), de 38 anos de idade. O acusado chama-se Rafael Martins de Oliveira Juvêncio, de 20 anos de idade, que trabalha como autônomo fazendo pintura.

Consta no inquérito policial que Juvêncio foi até esta fazenda para cometer um furto. Entretanto, ao chegar ? sala da casa encontrou a mulher dormindo, de bruços, seminua em um colchão. Ele então passou a acariciar a mulher e tentou concretizar o ato. Inicialmente W. pensou que fosse seu marido. Quando percebeu que era um estranho, passou a se debater, tentando se livrar do agressor.

A filha da mulher, de 08 anos de idade, ao ver ouvir os gritos da mãe chamou o pai que teria tirado o rapaz de cima de sua mulher e passou a lhe dar golpes com uma foice. A polícia foi acionada e Juvêncio foi conduzido ? DDM, onde prestou depoimento e negou que tenha molestado a mulher. “Não fiz nada disso, não senhor. É tudo um mal entendido”, tentou justificar.

A mulher passou pelo exame de corpo de delito, onde foi constatado que estava com fissura (lesão) na região anal. “Mediante aos fatos apresentado determinamos a prisão temporária do acusado e após a conclusão do inquérito policial vamos encaminhar o caso ao Ministério Público”, revelou a delegada.

Juvêncio foi conduzido ? Cadeia Pública de Conchas, onde ficam os presos da região que são acusados de cometerem crimes sexuais e não podem ficar em celas comuns com outros detentos para não sofrerem represálias.

Fotos: Valéria Cuter