DDM atende caso de violência contra menino de 7 anos

 

A Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) atendeu nesta quinta-feira a um caso de maus tratos, contra uma criança de 07 anos de idade vítima de violência doméstica. O caso foi atendido pelas conselheiras tutelares Ana Paula e Luciana, que pediram apoio ao Grupo Especial de Patrulhamento Com Motocicleta (Gepom), da  Guarda Civil Municipal (GCM),  já que o pai (agressor) estava muito alterado.

As conselheiras estiveram na Escola Antenor Serra, que fica na Avenida Jaime de Almeida Pinto Rua e a criança estava com vários hematomas pelo corpo, principalmente na região das costas e glúteos e foi apresentada à delegada Rose Mary Ribeiros Dias. Os pais também foram levados à delegacia e ele assumiu ter agredido o filho com uma cinta alegando que o castigo era para “repreendê-lo”.

Embora não tenha tido a prisão decretada ele vai responder processo em liberdade por crime de maus tratos. Já a criança foi encaminhada para ser medicada no Pronto Socorro Pediátrico e entregue a familiares, já que os pais estão proibidos de se aproximar dela, até que o inquérito seja concluído.

Também a delegada solicitou que seja feito o exame de corpo de delito que deverá ficar pronto nos próximos dias e pretende ouvir testemunhas. O juiz da Vara da Infância e Juventude, Josias Martins de Almeida Júnior, irá avaliar o caso e não está descartada a possibilidade de os pais perderem a guarda definitiva do filho.